sábado, dezembro 13, 2008

Moeda corrente: Dolar Asiático

Interessantes as notícias hoje das reações mundiais contra a crise mundial. Governo americano mijou pra trás e resolveu socorrer as montadoras de automóveis que pediram arrêgo ao tesouro nacional atrás de módicos empréstimos de bilhões de dólares, caso contrário fechariam com grande estrondo na economia americana, prejuízo principal para Bush e seu partido, que seriam eternamente recordados como os responsáveis pela queda de um dos símbolos capitalistas mais representativos. Depois que fizeram trocentas exigências, dentre elas a de se tornarem as montadoras mais competitivas do que as asiáticas, resolveram abrir o cofre e liberar uns caraminguás pra gerar um bolsão de ar pra já debilitada economia americana, aquela que dava as cartas no dinheiro mundial. Dava.
O golpe de misericórdia talvez esteja ocorrendo hoje também do outro lado do mundo com a união das principais economias asiáticas em busca de soluções para a crise, com a injeção de mais outros bilhões nas indústrias locais pra manter funcionando o motor produtivo do mundo. Sem dúvida alguma, teremos mudanças no fluxo cambial mundial, que certamente vai trocar os dólares americanos por ienes e outras moedas asiáticas.
Como ficamos? Os Estados Unidos são nossos clientes mínimos, quem sabe apenas para alguns produtos agro-industrializados, enquanto que nossos grandes clientes, destacando-se o mercado do aço, estão justamente na Ásia e mais outros na Europa.
O reino do hamburguer está ameaçado... Ainda bem que prefiro sushi e yakisoba, mesmo que seja com Coca-Cola. Eu não aguentava mais essa histeria mundial por causa de um país idiota como os EUA que não souberam controlar seus problemas internos, e num movimento paranóico, causaram esse estrago mundial, apenas com o esquema do Blasfemous Rumours. Agora acontece que,  quem já trabalhou com empresas asiáticas sabe que a cultura é agressiva, se essa influência se espalhar pelo mundo como sendo eles os portadores do poder econômico mundial, estaremos fudidos.... O negócio é caprichar no Johrei, manter nosso Ga sob controle e elevar nosso Yukon ao máximo possível.
Domo Arigato.
 
 

2 comentários:

  1. cara! quero agradecer o que tem escrito em meus posts! tem me ajudado muito a refletir!
    valeu
    abs

    ResponderExcluir